https://www.wheredidshegothistime.com Budapest, Hungary

To travel is to live.

selo-abvp.png

© Filipa D'Oliveira 
Exploring the world with Canon & GoPro.

© Filipa D'Oliveira 

A explorar o mundo com Canon & GoPro.

Budapest, Hungary

August 26, 2017

 

   (en)  Budapest... A city I'll always remember and I really want to go back to. This place is alive in so many ways - be it culturally or artistically, in nightlife or daylight.

 

   (pt)  Budapeste... Uma cidade da qual me irei sempre recordar e à qual quero muito voltar. Este lugar transpira vida de tantas formas - seja em termos culturais ou artísticos, em vida noturna ou diurna.

 

 

 

   (en)  I've visited Hungary in the fall of 2015, during the second Interrail I've made.

  I have to confess this was the only country where I couldn't memorise one single word so far (I swear I've tried!) - the closest language I can think of is Finnish and, to me, both of them sound like tons of syllables joined randomly which makes it difficult for a Portuguese person to learn in a quick visit. :D

  I was completely alone in Budapest - I didn't have any Hungarian friends and it was pretty harsh to find a last minute Couchsurfing place, so I decided to sleep in Hostel Budapeste Center. I stayed in a 8-beds bedroom and I can say I was really lucky with the people I've met there - from Greek, German, Portuguese and Russian to Japanese and Australian - all fantastic! :)

 

   (pt)  Visitei a Hungria no fim do Outono de 2015, durante o segundo Interrail que fiz.

  Confesso que foi o único país até agora onde não consegui memorizar uma única palavra (e juro que tentei!) - a língua mais próxima de que me lembro é o Finlandês e, para mim, ambas soam a várias sílabas juntas de forma aleatória, o que torna bastante difícil para um Português aprender numa visita rápida. :D

  Fui para Budapeste completamente sozinha - não tinha nenhuns amigos Húngaros e foi bastante complicado encontrar um lugar de última hora no Couchsurfing, então decidi pernoitar no Hostel Budapest Center. Fiquei num quarto de 8 camas e posso dizer que tive bastante sorte com as pessoas que conheci por lá - desde Gregos, Alemães, Portugueses e Russos a Japoneses e Australianos - todos fantásticos! :)

 

 

 

 

 

 

 

 

   (en)  Above I've just shown you the truly beautiful Dohány Street Synagogue (the largest in Europe) and some wonders around the magic Danube river such as Szilágyi Dezső tér (known as the Square Reformed Church); Gresham Palace; Várkert Bazár (the Castle Garden Bazaar) and the most gorgeous building I've seen so far: Országház (the Parliament of Budapest - in the last picture).

  This Gothic work of art was started in 1885 and finished in 1904 (its architect, Imre Steindl, went blind before it was completed!). It is the tallest building in the city (together with St. Stephen's Basilica, which I'll also show you later in this post) with 96 meters - number referring to the year of the Hungarian kingdom conquest, in 896.

 

   (pt)  Acima acabei de te mostrar a lindíssima Sinagoga da rua de Dohány (a maior na Europa) e algumas das maravilhas envoltas no rio Danúbio, como por exemplo Szilágyi Dezső téri református templom (conhecida como a Igreja reformada da praça); o Palácio de Gresham; o centro cultural Várkert Bazár  e o edifício mais bonito que vi até hoje: Országház  (o Parlamento de Budapeste - que podes ver na última fotografia).

  Esta obra de arte gótica começou a ser construida em 1885 e terminou em 1904 (o seu arquiteto, Imre Steindl, ficou cego antes de a concluir!). É o edifício mais alto da cidade (junto com a Basílica de Santo Estêvão, que também te mostrarei nesta publicação) com cerca de 96 metros de altura - número que simboliza o ano da conquista do reino Húngaro, em 896.

 

 

 

 

   (en)  The Great Market Hall is also a must-go! You can find all Hungarian special products like its famous paprika, salami, Tokaji wine, Unicum and Pálinka in one single place. I personally got lost in there, among so many good smells, tastes and colours. :)

  You'll find several wonders in both sides, Buda and Pest. In one you have an amazing hike to Buda Castle, Castle Garden Bazaar and Citadela, and on the other you can go easily around all the awesome places I'm picturing here.

  Below you can see Széchenyi lánchíd  (Chain Bridge), the first permanent bridge between Buda and Pest, built in 1849; right after comes Szabadság híd  (Liberty bridge) concluded in 1896 and then you can see my night walk around this wonderful city, with some of the spots I've shown you before plus St. Stephen's Basilica and the Budapest Eye (both really close from the hostel where I stayed).

  Also around 10 minutes walking I found one of the nicest pubs I've been to: Szimpla Kert, a ruin turned into something awesome! :D  I went there with my two Australian roommates and I had such an amazing night! I totally recommend it!

 

   (pt)  O Mercado de produtos agrícolas é também um sítio que deves visitar! Podes encontrar todos os produtos especiais húngaros como paprika, salame, vinho Tokaji, Unicum e Pálinka num lugar só. Eu pessoalmente perdi-me por lá, no meio de tantos cheiros, cores e sabores. :)

  Vais encontrar várias maravilhas em ambos os lados, Buda e Peste. Num tens uma caminhada fantástica até ao Castelo Buda, ao Várkert Bázar e à Citadela, e noutro podes passear facilmente por todos os lugares lindos que te estou a mostrar aqui.

  Abaixo consegues ver Széchenyi lánchíd  (Ponte  da Corrente), a primeira ponte permanente que uniu Buda e Peste, construída em 1849; depois tens a Szabadság híd  (Ponte da Liberdade) que foi concluída em 1896 e em seguida podes ver a minha caminhada noturna à volta desta cidade maravilhosa, com alguns dos pontos importantes que já te mostrei acima e ainda a Basílica de Santo Estêvão e a Roda Gigante de Budapeste (ambos bastante perto do hostel onde fiquei).

  Também a cerca de 10 minutos a pé encontrei um dos bares mais giros que alguma vez vi: o Szimpla Kert, uma ruína transformada em algo fantástico! :D  Foi com os meus dois colegas de quarto Australianos que lá fui e tive uma noite espectacular! Recomendo a 100%!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

   (en)  It was also in Budapest the first time I've been to a Christmas Market, a place in which besides the great drinks I've told you about before, you can also taste its most famous dishes such as Gulyás (Goulash), Halászlé (Fisherman's soup) and Lángos, their typical bread.


  Hope you enjoyed the bit of Hungary I've shown you today. I'll certainly go back there to photograph and see more of this country's magic! :)
  If you're still here, thanks for reading - it's really important to me to know that I could keep you around until the end! ;)

 

  Write you soon, 

  Filipa

 

   (pt)  Foi também em Budapeste a primeira vez que fui a um mercado de Natal, um lugar onde para além das bebidas maravilhosas que te falei anteriormente, também podes experimentar os seus pratos mais famosos como o Gulyás (Gulash), Halászlé (Sopa de Pescador) e Lángos, o seu pão típico.

 

  Espero que tenhas gostado do pouco da Hungria que te mostrei hoje. Irei com certeza lá regressar para fotografar e saborear mais a magia deste país! :)

  Se ainda estás por aqui, obrigada por leres - é muito importante para mim saber que consegui manter-te por perto até ao fim! ;)

 

  Até já,

  Filipa

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

You Might Also Like:

Bohol & Cebu, Philippines

September 9, 2019

Digital detox vacations ❤

June 15, 2019

1/15
Please reload